Capa: Sônia Costa Padilha (2012) O Webjornalismo Mediado Pela Cultura Social Local: Estudo Comparativo Portugal/Brasil. Communication  +  Philosophy  +  Humanities. .
O Webjornalismo Mediado Pela Cultura Social Local: Estudo Comparativo Portugal/Brasil

by Sônia Costa Padilha

Collection: LabCom Books
Series: Journalism
Year of edition: 2012
ISBN: 978-989-654-089-0
Price of the print edition: € 15   Order


Download PDF - 7986 KB


Synopsis

No momento em que o jornalismo na web enfrenta o desafio de lidar com o fenômeno da desterritorialização da audiência, e ao mesmo tempo com a manutenção de sua marca identitária territorial, a tese “O webjornalismo mediado pela cultura social local. Estudo comparativo: Brasil e Portugal” explora a relação da cultura social local com o habitus profissional considerando que o jornalismo é uma atividade social de produção simbólica. No interior dessa temática procura responder se existe diferença significativa do webjornalismo praticado em cidades de culturas sociais distintas, ou se o habitus profissional sobrepujaria essa diferença. Para esse intento foi realizado um estudo comparativo multicasos com jornalistas brasileiros e portugueses de quatro webjornais - Folha Online (São Paulo-SP), Tribuna do Norte (Natal-RN), Jornal de Notícias (Cidade do Porto) eCorreio do Minho (Braga). O instrumental metodológico contou com: entrevistas, questionário, mapeamento das características e levantamento de manchetes das home pages. A tese se concentra em compreender o cenário e as inter-relações dos fatores envolvidos no fenômeno da imbricação: prática do webjornalismo e cultura da sociedade. Resultados da pesquisa revelaram, entre outros pontos, que a maioria dos profissionais concorda que a prática do jornalismo na web é muito afeita ao journaliste assis – que não vai a campo, permanecendo na redação para tratar apenas o material recebido. Apontou ainda que e as matérias alinhadas ao valor notícia proximidade são pouco presentes nos webjornais considerados de perfil nacional. A principal conclusão é que, embora o webjornalismo siga em alguns pontos os padrões técnicos da cibercomunicação, sua prática diferencia-se ao absorver as características próprias da cultura social da cidade/região onde está situada a sede da empresa jornalística detentora do produto.



Index

INTRODUÇÃO . . .  31

CULTURAS, CIDADES E WEBJORNAIS . . .  23

1.1 As culturas locais e a cibercultura supra-espacial . . . . . . . 23

1.2 Quatro cidades e seus webjornais . . . . . . . . . . . . . . . . 34

1.2.1 São Paulo (BR) e Folha de S. Paulo . . . . . . . . . . 34

1.2.2 Natal (BR) e Tribuna do Norte . . . . . . . . . . . . . 43

1.2.3 Porto (PT) e Jornal de Notícias . . . . . . . . . . . . 49

1.2.4 Braga (PT) e Correio do Minho . . . . . . . . . . . . 57

2 O CAMPO DO JORNALISMO E A IDENTIDADE PROFISSIONAL . . .  65

2.1 O campo do jornalismo: sua cultura, trabalho e produtos . . . 65

2.2 A relação: identidade profissional e cultura social local . . . . 87

3 CIBERCULTURA E PRÁTICA JORNALÍSTICA . . .  105

3.1 Condições para a Cibercultura . . . . . . . . . . . . . . . . . 105

3.2 A cibercultura manifesta na prática jornalística . . . . . . . . 114

3.3 Contribuições do webjornalismo à Sociedade do Conhecimento . . .  133

4 JORNALISMO EM MUTAÇÃO . . .  151

4.1 Evoluções do jornalismo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 151

4.2 Tecnologia e prática jornalística . . . . . . . . . . . . . . . . 174

5 OHABITUS PROFISSIONAL MEDIADO PELA CULTURA SOCIALLOCAL . . .  197

5.1 A relação da cultura social local com o habitus profissional nowebjornalismo . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 197

5.2 Webjornalismo e a cidade: do local para o global . . . . . . . 211

5.3 Estudo comparativo da prática do webjornalismo mediado pelacultura social local entre Brasil e Portugal: analise dos dados . . .  223

5.3.1 Análise das respostas ao questionário . . . . . . . . . 223

5.3.2 Diagrama do resultado do conjunto de respostas aoquestionário por webjornal basedo na técnica do Extremode Quartis . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 233

5.3.3 Análise do quantitativo das matérias nas home pages . 235

5.3.4 Análise das características das home pages . . . . . . 238

5.3.5 Quadro comparativo das home pages . . . . . . . . . 240

CONCLUSÃO . . .  245

REFERÊNCIAS  . . .  251

ANEXOS . . .  281

Esquema para interpretação das respostas ao questionário . . . . . . 281

Tabelas . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 288

Gráficos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 294

Questionário a equipe de jornalismo dos quatro webjornais . . . . . 315

Print ilustrativo das home pages dos 4 webjornais . . . . . . . . . . 319

Support:
Fundação para a Ciência e a Tecnologia
União Europeia
Quadro de Referência Estratégico Nacional
Programa Operacional Factores de Competitividade
Universidade da Beira Interior