Jornalismo e Dispositivos Móveis

A Universidade da Beira Interior acolheu o “Congresso Internacional Jornalismo e Dispositivos Móveis”, promovido pelo LabCom, através de um dos seus investigadores, João Canavilhas. A iniciativa reuniu docentes, estudantes, investigadores, jornalistas e empresas no sentido de perceber as tendências nesta área e projetar caminhos para o futuro. Henrique Monteiro (Impresa - Expresso), Pedro Tadeu (Controlinveste - DN/JN/TSF) e José Alberto Carvalho (Media Capital – TVI) marcaram presença na sessão sobre jornalismo que teve lugar no último dia do encontro. Henrique Monteiro sublinhou a importância do papel do jornalista. “A responsabilidade dos profissionais de comunicação deve manter-se em qualquer formato, quer seja em papel, televisão, mobile, rádio, ou qualquer outro”, sublinhou. José Alberto Carvalho partilha desta ideia, mas lembra que “a situação empresarial dos grupos de comunicação se apresenta cada vez mais deteriorada”, acrescentando que “o mercado publicitário está agora em níveis comparáveis aos de 1997”. O diretor de informação da TVI considera ainda que “não vale a pena olhar para o jornalismo com os conceitos do passado, que já estão ultrapassados”. Pedro Tadeu, do Diário de Notícias, refere o facto das redações ainda não estarem “bem equipadas para os novos tipos de jornalismo”. Segundo Henrique Monteiro “o aumento de dispositivos digitais ainda não compensa a queda de receitas no papel”. 
O congresso, realizado nos dias 15 e 16 de novembro, incluiu uma sessão sobre software com a presença de António Gil, da Dom Digital, Paulo Fernandes, da Universal Tech, e Daniel Nunes, da Niiiws, e uma sessão sobre hardware e serviços, com as presenças de Tiago Lopes, da TMN e Nélson Lourenço, da Vodafone.
"Las industrias de contenido en la era post-pc: horizontes, amenazas y oportunidades" foi o tema da conferência inaugural proferida por Juan Miguel Aguado, professor da Universidade de Múrcia. 
Suzana Barbosa, professora da Universidade Federal da Bahia falou sobre “Jornalismo em mídias móveis. Entre a transposição 2.0 e os produtos autóctones".
O evento teve uma pré-conferência, no dia 14 de novembro, com Denis Renó, da Universidad del Rosário, em Bogotá, que apresentou o tema "Jornalismo Transmídia: métodos e ferramentas".
Das 33 propostas de comunicação recebidas foram apresentadas 15 das 18 seleccionadas. No âmbito do Congresso Internacional Jornalismo e Dispositivos Móveis realizou-se ainda um workshop sobre programação e aplicações para Android, que marcou o encerramento das jornadas.
Support:
Fundação para a Ciência e a Tecnologia
União Europeia
Quadro de Referência Estratégico Nacional
Programa Operacional Factores de Competitividade
Universidade da Beira Interior