You are here:   Home  →  Sobre  →  Objetivos

Objetivos

A unidade de pesquisa LabCom.IFP - Comunicação, Filosofia, HUMANIDADES resulta da fusão de duas unidades anteriores surgidas na Faculdade de Artes e Letras da Universidade da Beira Interior, nomeadamente o LabCom, que se dedicou ao estudo da comunicação on-line, e o IFP, Instituto de Filosofia Prática, que desenvolveu a sua investigação principalmente em ética e filosofia política.


Para além da existência de alguns objetos de investigação comuns e do aumento da massa crítica em relação à investigação interdisciplinar, a união das duas unidades é justificada pelo desejo de levar a cabo um projeto conjunto, cuja motivação está enraizada no questionamento sobre o conceito das Humanidades.

 

As Humanidades são um conjunto de conhecimentos relacionados com "assuntos humanos", não apenas teóricos, mas também práticos e, portanto, normativos. Esses assuntos implicam uma reflexão sobre a forma de vida individual e coletiva dos seres humanos, ou seja, uma reflexão sobre ética, sociedade e política. E uma vez que a vida coletiva não pode existir sem comunicação, essa reflexão é também sobre as técnicas e teorias da comunicação.

 

O programa do Labcom.IFP baseia-se no conceito das Humanidades, que tem um ideal humano como referência mais ou menos explícita.  Este ideal, cuja origem remonta à antiguidade grega, tem evoluído ao longo da história e, com ele, a amplitude do conhecimento que compreende as ciências humanas.

 

Um primeiro objetivo geral da unidade é, portanto, esclarecer certas dimensões da condição humana que são essenciais para a constituição desse ideal inerente ao conceito das Humanidades, ou seja, mais precisamente, as dimensões ética, política, comunicacional e estética. Analisaremos características éticas, políticas, comunicacionais e estéticas no que se refere ao contexto da cultura contemporânea e ao estado da arte nas suas teorias respetivas.


Um segundo objetivo geral, que complementa o anterior, é a identificação e o estudo de anomalias ou problemas que ocorrem aos níveis ético, político ou comunicacional. A compreensão de tais crises requer uma análise do contexto cultural e, daí, a importância dos estudos artísticos e culturais, a serem desenvolvidos num dos grupos da unidade de investigação.

 

De forma sintética, pode dizer-se que o objetivo mais geral da unidade é verificar em que medida o ideal implícito das Humanidades é viável segundo as condições culturais, sociais, morais, políticas e comunicacionais do mundo moderno.

 

Outro objetivo geral e complementar é responder à questão da possível expansão das Humanidades, tal como foram legadas pelos humanistas antigos e modernos, desde Aristóteles e Cícero a Humboldt, para as “novas humanidades”.

Support:
Fundação para a Ciência e a Tecnologia
União Europeia
Quadro de Referência Estratégico Nacional
Programa Operacional Factores de Competitividade
Universidade da Beira Interior